Agosto está sendo bastante agitado no mundo do futebol. A última semana está quente. Dentro das 4 linhas tivemos empate entre Flamengo e Palmeiras num jogo duro; vitória do Corinthians por 4 a 1 em cima do Atlético-GO que rendeu a classificação do Timão para a próxima fase da Copa do Brasil; estreia de Soteldo pelo Santos na vitória por 1 a 0 contra o rival São Paulo; e até maqueiro brigando com o árbitro, no jogo do Náutico contra o Vila Nova.

Já fora das quatro linhas os clubes parecem estar se adequando às novidades trazidas pela Lei 14.193/21 (Lei da SAF). A recuperação judicial parece ter sido a opção de alguns clubes como Chapecoense, Coritiba e Cruzeiro, para organizarem suas dívidas e quitarem seus credores. O Regime Centralizado de Execuções, por outro lado, foi a opção de Corinthians e Santos. Estamos acompanhando as novidades.

Entre elas, Cruzeiro e Paraná apresentaram suas listas de credores com os respectivos créditos, abrindo o prazo de 15 dias para os credores habilitarem seus créditos.

Além disso, está pintando uma nova SAF: o Bahia segue nos passos finais para a transformação. Segundo o presidente do clube, as conversas com o Grupo City estão avançadas. Vamos aguardar por mais novidades. E você, acha que o tricolor baiano vai se adequar para virar SAF? Será positivo ou negativo pro clube caso isso aconteça?

Você é o comentarista! Deixe sua análise.